IMARA.EARTH a startup que quantifica o impacto ambiental

Para a 6ª edição do Twingeo Magazine, tivemos a oportunidade de entrevistar Elise Van Tilborg, Co-fundadora do IMARA.Earth. Esta startup holandesa venceu recentemente o Planet Challenge no Copernicus Masters 2020 e está comprometida com um mundo mais sustentável por meio do uso positivo do meio ambiente.

O slogan é “Visualize seu impacto ambiental”, e o fazem por meio de dados de sensoriamento remoto, como imagens de satélite e coleta de informações em campo, para obter informações objetivas para o planejamento, monitoramento e avaliação de projetos de restauração paisagística. Algumas das perguntas que são refletidas na entrevista começam com a incerteza de O que é Imara.Earth? IMARA.earth, que significa estável, forte e robusto em suaíli, é especializada em quantificar o impacto ambiental por meio da arte de contar histórias para permitir um planejamento, monitoramento e relatórios de projetos robustos.

A IMARA não é uma empresa de sensoriamento remoto convencional ou uma empresa de comunicações.

IMARA.Earth e a necessidade que motivou a sua criação. Elise e sua equipe comentaram que perceberam a quantidade de dados que estão disponíveis nas organizações e que não são usados ​​corretamente, explorando 100% do seu potencial. Por isso, decidiram criar essa empresa para tratar os dados sob padrões de monitoramento e avaliação, além da inclusão de imagens para produzir informações ambientais mais completas e objetivas.

Elise nos contou que uma de suas motivações para a criação do IMARA foi a ideia de que os dados geográficos deveriam ser usados ​​para apoiar projetos que aumentem o futuro sustentável da Terra. Ela e sua co-fundadora Melisa com estudos em International Land and Water Management, que foram posteriormente complementados com um mestrado em SIG e Sensoriamento Remoto,

As imagens em combinação com as informações reais do terreno levam ao conhecimento e informações quantificadas e objetivas durante o planejamento, monitoramento e avaliação de projetos de restauração paisagística.

Como em outras empresas, a pandemia influenciou um pouco suas atividades, mas também encontraram outras formas de dar continuidade a ela, por meio da inclusão de moradores locais no trabalho de campo e do uso de ferramentas de reconhecimento virtual. Todos os itens acima resultaram em uma estrutura de monitoramento e avaliação bastante ampla que resultou em uma circunstância enriquecedora para a empresa. No IMARA eles estão comprometidos com a restauração do planeta, promovendo atividades de restauração e determinando o impacto dessas atividades combinando informações reais do terreno e dados de sensoriamento remoto.

O sensoriamento remoto tem se mostrado útil durante todas as fases de desenvolvimento do projeto e não apenas para quantificar o impacto por si só.

Você pode visitar as redes sociais do IMARA em LinkedIn ou seu site  IMARA.earth para se manter informado de todas as suas atividades. Não é preciso convidá-lo a ler esta nova edição da Twingeo Magazine. Lembramos que estamos abertos a receber documentos ou publicações que deseje divulgar na revista. Contacte-nos através dos emails editor@geofumadas.com e editor@geoingenieria.com. A revista é publicada em formato digital -verifique aqui- Do que você está esperando para baixar Twingeo? Siga-nos no LinkedIn para mais atualizações.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.