QGIS, PostGIS, ALMS - no Curso de Administração de Terras desenvolvido pela IGAC

Convergência de diferentes iniciativas, aspirações e desafios na Colômbia para manter a liderança no Cone Sul em matéria geoespaciais, entre o 27 julho e 4 agosto, o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Informação Geográfica - CIAF Instituto Geográfico Agustin Codazzi desenvolver o Curso: Aplicação da norma ISO 19152 (Land Administration Modelo de Domínio) e o uso da linguagem INTERLIS no âmbito de infraestruturas de dados espaciais.

A justificativa é mais do que evidente, uma vez que a Administração do Território é uma questão que tomou alta prioridade em muitos países, causada por várias causas sociais, econômicas e ambientais. O boom tecnológico desde os anos 90 amplia a gama de possibilidades para oferecer novos e melhores serviços em dados espaciais e direitos de propriedade, aproveitando o potencial de mecanismos de conectividade, bases de dados espaciais, programas de computador e equipamentos. A pressão para esta oferta tecnológica e a demanda de instituições públicas e privadas, é equilibrada pelo uso de padrões; Nessa estrutura, a iniciativa 2014 Catastro foi criada no ano 1995 e parte de sua materialização no ISO 19152 Standard no ano 2012.

Vários países em todo o mundo estão atualmente buscando implementar o LADM em seus sistemas de Cadastro, Registro de Terras e Infraestrutura de Dados Espaciais. INTERLIS é uma linguagem que provou ser eficiente na criação de ferramentas e metodologias para facilitar a interoperabilidade e transferência de informações geoespaciais.

A Colômbia é um desses países, que, no contexto das reformas sociais, legais e institucionais, planeja aproveitar o potencial da LADM como eixo transversal para a modernização da gestão territorial. Atualmente, o perfil nacional foi desenvolvido, propostas de perfis especializados e ferramentas que utilizam a linguagem INTERLIS.
Este contexto justifica a necessidade de o Instituto Agustín Codazzi integrar na sua oferta acadêmica um curso que possa estar disponível para profissionais das ciências da terra, envolvidos nas diferentes etapas do ciclo de gestão territorial sob uma abordagem integrada.

No final, espera-se que os participantes tenham habilidades técnicas e cognitivas nos participantes em Infraestruturas de Dados Espaciais e no domínio do padrão de gerenciamento de terra da LADM usando a linguagem INTERLIS para criar ferramentas e metodologias que facilitem sua adoção e implementação.

Definitivamente o curso não é apenas importante, mas também interessante por causa da combinação que ele tem entre a abordagem teórica e os exercícios práticos. A duração é de 32 horas, em quatro dias distribuídos ao longo de duas semanas (quinta e sexta-feira) e está estruturada em três blocos:

  • Aspectos gerais, que incluem conceitos básicos sobre administração com foco nas tendências e desafios internacionais do Cadastro 2034, infraestruturas de dados espaciais, padrões internacionais de informações geográficas e bancos de dados.
  • fundamentos teóricos ALMS da adoção perfil Colombiana de ISO 19152 e casos de uso aplicadas ao Cadastro, Registro e manejo da terra está incluída no segundo bloco. Também neste bloco eles introduzem os princípios da linguagem de modelagem UML.
  • No terceiro bloco, a construção de um modelo simplificado de LADM é trabalhada na sequência do fluxo de trabalho proposto ao usar o INTERLIS, desde a sua semântica do código até o uso de ferramentas como UML Editor e ili2pg, com as quais é construída uma estrutura de dados Informação geográfica sobre PostgreSQL / PostGIS, geração de dados no modelo usando um plugin QGIS, exportação, validação e carregamento de dados até sua visualização a partir de um visualizador espacial.

Em suma, é um esforço interessante que nesta ocasião tem o apoio da Cooperação Econômica e Desenvolvimento (SECO) da Embaixada da Suíça.

6 Responde a "QGIS, PostGIS, LADM - no Curso de Gerenciamento de Terras desenvolvido pelo IGAC"

  1. Anton Kantero

    Permaneço geofumadas e aguardo informações sobre este curso de administração de terras.

  2. Bom Dia.
    O Plug-in está sendo desenvolvido pelo Projeto de Modernização da Administração de Terras na Colômbia, pelo Secretário de Estado dos Assuntos Econômicos (SECO) do Governo da Suíça, juntamente com um Cantão da Confederação, já que na Suíça use o INTERLIS como padrão de troca e modelagem. O Plug-in será de código aberto, gratuito e gratuito e pode ser baixado gratuitamente para o QGIS.
    É projetado para a edição de dados relacionados à Administração de Terras em um ambiente muito específico: baseia-se em um modelo de dados (classes envolvidas, suas relações e restrições impostas), no caso da Colômbia, LADM-COL, com o O que cria o ambiente de edição, fornecendo uma interface que facilita a edição com base nas necessidades do modelo. Também funciona no ambiente de validação e intercâmbio de dados.

  3. Olá, gostaria de saber mais informações sobre o plugin, que pode ser acessado livremente, pois você pode baixar e testar o plugin

  4. Bom, algum tipo de publicação sobre o curso, sou da Argentina Estou interessado no assunto

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.