CAPÍTULO 9: osnap

Embora já tenha analisado várias técnicas para desenhar com precisão objetos diferentes, na prática, à medida que nosso desenho adquire complexidade, os novos objetos geralmente são criados e colocados sempre em relação ao já desenhado. Ou seja, os elementos já existentes em nosso desenho nos dão referências geométricas para novos objetos. Muitas vezes podemos encontrar, por exemplo, que a próxima linha emerge do centro de um círculo, um certo vértice de um polígono ou o ponto médio de outra linha. Por esse motivo, o Autocad oferece uma ferramenta poderosa para sinalizar facilmente esses pontos durante a execução de comandos de desenho chamados Referência para objetos.

A referência do objeto é, portanto, um método chave para tirar proveito dos atributos geométricos dos objetos já desenhados para a construção de novos objetos, pois serve para identificar e usar pontos como o ponto médio, a interseção de linhas 2 ou um ponto tangente entre outros. Também pode-se dizer que Object Reference é um tipo de comando transparente, ou seja, pode ser invocado durante a execução de um comando de desenho.

Uma maneira rápida de aproveitar as diferentes referências aos objetos disponíveis é usar o botão na barra de status, o que permite ativar referências específicas, e insistimos, mesmo que já tenha começado um comando de desenho. Vamos dar uma olhada preliminar.

Vejamos um exemplo. Vamos desenhar uma linha reta cuja primeira extremidade corresponderá ao vértice de um retângulo e a outra com o quadrante a noventa graus de um círculo. Em ambos os casos, vamos ativar as referências aos objetos necessários durante a execução do comando de desenho.

A referência do objeto nos permitiu construir a linha com toda precisão e sem se preocupar realmente com as coordenadas, ângulo ou comprimento do objeto. Agora suponha que queremos adicionar um círculo a esta peça cujo centro coincide com o círculo existente (é um conector metálico em uma vista lateral). Mais uma vez, um botão de referência de objetos nos permitirá obter esse centro sem recorrer a outros parâmetros, como a coordenada cartesiana absoluta.

As referências a objetos que podem ser ativados com o botão e sua aparência podem ser vistas imediatamente.

Além dos anteriores, temos algumas outras referências a objetos em um menu de contexto se, durante um comando de desenho, pressionamos a tecla "Shift" e depois o botão direito do mouse.

Uma característica peculiar de algumas das referências que aparecem neste menu é que elas não se referem estritamente aos atributos geométricos dos objetos, mas a extensões ou derivações destes. Ou seja, algumas dessas ferramentas identificam pontos que existem apenas sob certos pressupostos. Por exemplo, a referência "Extensão", que vimos em um vídeo anterior, mostra, precisamente, um vetor que indica o sentido de que teria uma linha ou um arco se fossem mais extensos. A referência "Intersecção ficcional" pode identificar um ponto que realmente não existe no espaço tridimensional, como também vimos no vídeo.

Outro exemplo é a referência "Médio entre pontos 2", que, como o nome indica, serve para estabelecer o ponto médio entre dois pontos, embora esse ponto não pertença a nenhum objeto.

Um terceiro caso que funciona no mesmo sentido, isto é, para estabelecer pontos que derivam da geometria dos objetos, mas que não lhes pertencem de forma precisa, é a referência "De", que permite definir um ponto a uma distância de Outro ponto base. Portanto, essa "referência de objeto" também pode ser usada em combinação com outras referências, como "End Point".

Nas versões anteriores do Autocad, era muito comum ativar a barra de ferramentas "Referências a objetos" e pressionar os botões das referências desejadas no meio de um comando de desenho. Esta prática ainda pode ser feita, embora a aparência da faixa de interface tende a limpar a área de desenho e diminuir o uso de barras de ferramentas. Em vez disso, agora você pode usar o botão suspenso na barra de status, como ilustrado acima. No entanto, o Autocad também oferece um método para ativar automaticamente uma ou mais referências para serem usadas permanentemente ao desenhar. Para fazer isso, devemos configurar o comportamento da "Referência de objeto" com a sobrancelha correspondente da caixa de diálogo "Parâmetros de desenho".

Se, nesse diálogo, ativamos, por exemplo, as referências "Ponto final" e "Centro", então essas serão as referências que veremos automaticamente quando iniciarmos um desenho ou um comando de edição. Se nesse momento queremos usar outra referência, ainda podemos usar o botão da barra de status ou o menu contextual. A diferença é que o menu contextual ativará a referência de objeto desejada temporariamente, enquanto a caixa de diálogo ou o botão da barra de status os deixa ativos para os seguintes comandos de desenho. No entanto, não é aconselhável ativar todas as referências a objetos na caixa de diálogo, ainda menos se o nosso desenho contém um grande número de elementos, uma vez que o número de pontos indicados pode ser tão grande que a eficácia das referências pode ser perdida. Embora seja de notar que, quando há muitos pontos de referência para objetos ativos, podemos colocar o cursor em um ponto na tela e depois pressionar a tecla "TAB". Isso forçará a Autocad a mostrar as referências próximas ao cursor naquele momento. Por outro lado, pode haver momentos em que queremos desativar todas as referências a objetos automáticos para, por exemplo, ter liberdade total com o cursor na tela. Para esses casos, podemos usar a opção "Nenhum" no menu contextual que aparece com a tecla "Shift" e o botão direito do mouse.

Por outro lado, é evidente que a Autocad aponta um ponto final, por exemplo, de uma maneira diferente do que um ponto médio indica e isso, por sua vez, é claramente distinguido de um centro. Cada ponto de referência possui um marcador específico. Se esses marcadores aparecem ou não, bem como se o cursor é "atraído" para esse ponto, é determinado pela configuração do AutoSnap, que é nada mais do que o auxílio visual da "Referência a objetos". Para configurar o AutoSnap, usamos a aba "Desenho" da caixa de diálogo "Opções" que aparece com o menu de inicialização Autocad.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.